10 de maio de 2015

[Blogueiras Unidas] Mães que Escrevem - Especial dia das Mães

| |
Olá Amorinhas

Hoje é um dia pra lá de especial... Dia das Mães!!! Se você ta lendo isso e é mãe... Parabéns!! Se ainda não é, ou é homem, filho ou filha... Então parabéns para sua mãe! O Importante agora é! Vamos comemorar!!! Traga ela pertinho de você e vamos juntos comemorar!!

Quem aguardou ansiosamente pelas postagens do Especial Mães, vocês são como livros!, agora pode começar a devorar estas linhas!


O Grupo "Blogueiras Unidas" traz a primeira postagem do Especial em homenagem ao Dia das Mães, uma data pra lá de querida >> Mães Autoras – Autoras nacionais contam como é dividir-se entre filhos e a carreira de escritoras.

Foram feitas algumas perguntas e nossas queridas autoras responderam com muito carinho e orgulho. Preparados?


Obras literárias: SOS Mamãe de Primeira Viagem / Ah, Mar Itajaí!
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
Tudo!!!! Corro, corro, corro e a sensação é de que roubaram muitos minutos do meu dia porque, quando dou por mim... Capuff!!! O dia acabou! Mas o mais incrível de tudo é que não voltaria à minha vida de antes de maneira alguma! Amo o jeito louco que está! Rs
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
Me desdobrando em mil mulheres. É uma tarefa árdua, mas igualmente prazerosa. A vida ganha um porquê.  3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Formar filhos com valores, condutas decentes e corações bondosos. Em um mundo onde os padrões de moralidade estão tão distorcidos, a base da família tornar-se fundamental e o papel da mãe se transformou em outro que não apenas de alguém que protege e enche de carinhos para aquele que dá força e exemplo.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Que eu o amo, o amei e o amarei. Hoje e sempre. Incondicionalmente.
5.     Para você, ser mãe é....
Ter de lidar com uma tarefa muito difícil, talvez a mais complexa na vida de uma mulher. Mas é a chance de se tornar uma pessoa melhor e vivenciar o amor na sua forma mais profunda, desapegada e autêntica. A possibilidade de experimentar, de uma forma muito particular, o milagre do amor de Deus dentro de nós mesmas.
*****


Autora: BABI BARRETO
Obras literárias: Em Busca do Verdadeiro / Magia do Sorriso
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
Absolutamente tudo! Antes eu era uma mulher chamada Bárbara, agora literalmente sou a Bárbara mãe do Victor. Ele me ensinou a pensar primeiro no outro, a saber me organizar, a viver em família, e que o amor de mãe supera qualquer um, e que não há tristeza que um sorriso do Victor não apague
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
É sempre uma loucura. Tenho a sorte de ter a melhor mãe do mundo todo (desculpa meninas, mas é a minha), que me ajuda em tudo. Como sou viúva, e vivo com minha mãe, a rotina fica menos sobrecarregada. Mas o meu filho é muito bonzinho, e não me atrapalha em nada. Ele é tão especial, que senta com um livro para ler, só para não me atrapalhar a escrever. Minha vida é completa com ele.
3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
O maior desafio é o medo da vida. Tenho medo que ele se machuque, que ele siga um caminho fora do que ensino, medo das companhias, dos maus exemplos. Mas acho que todos esses desafios são superados pela nossa amizade. Aprendi que a palavra ensina, mas o exemplo arrasta. Quando temo algo, mostro a ele como faria, e torço para que seja um exemplo suficiente para ele seguir. Para mim, esse é o maior desafio: ensinar o certo.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Victor, você salvou a minha vida. Quando achei que nada mais valia a pena, você sorriu para mim, e encontrei o meu caminho. Você é o maior presente que o Papai do Céu poderia dar para a mamãe. Se eu pudesse escolher um filho, pode acreditar, escolheria você. Obrigada por ser meu amigo, meu parceiro, e meu palhacinho particular. Mamãe te ama do tamanho do universo, vezes o infinito!
5.     Para você, ser mãe é....
Para mim, ser mãe é descobrir que há o maior amor possível, mas não imaginável. Que minha felicidade nunca mais será só minha, e que estarei sempre preocupada com outro alguém. Ser mãe é viver pelo outro, aprender a ser altruísta, e lutar para que o seu pequeno se torne uma grande pessoa.
*****


Obras literárias: A Menina que Vendia Sonhos / O Gambá Perfumado / Água Lindas / Novos Horizontes / Na Escuridão dos Dias / e outros
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
Mudou e muito, pois minha prioridade passou ser minha filha, amadureci com a maternidade, acho que nada supera a experiência de ser mãe.
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
Quando existe a necessidade de trabalhar fora para manter-se,  não é fácil, infelizmente vivi  essa situação durante anos e, isso me fazia sofrer, não teria me ausentado tanto da vida de minha filha se não houvesse a necessidade financeira, ainda assim, eu consegui ser mãe e pagar as contas sozinha, mesmo que com muita dificuldade.
3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Minha filha nasceu no ano de 1982 e o perigo apesar de existir não era tão visível quanto hoje, além disso, havia o fator respeito que vem se perdendo dia a dia. Nos dias atuais a maioria acha que para ser aceito tem que se envolver com drogas e outros vícios, e por isso acabam por seguir uma estrada "mão única" quero dizer: não pensam nas consequências e quando dão por si, o erro já se tornou irremediável.  Não deveria ser assim, mas infelizmente, acho muito mais difícil educar um filho nos dias atuais que nas décadas passadas, no que se refere ao respeito, em relação ao consumo tudo muito mais fácil, claro e, ai já se encontra o grande problema, ter tudo sem lutar por isso. Não podemos esquecer o fator mais importante de todos "Educação" que em nosso país não é investido nem apoiado. Já ouvi inúmeras vezes, "os país desse infeliz não os deram educação" Entretanto, se esquecem que ninguém pode ofertar aquilo que não tem, enquanto, "Educação" for ignorada no Brasil, formar "cidadãos" de bom caráter, será sorte, o que é uma lastima.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Desejo Luana minha filha e Chayanne minha neta, que consigam realizar seus sonhos mais íntimos, o de boa filha e neta, já concretizaram, o que dou graças a Deus por isso.
5.     Para você, ser mãe é....
Tudo, de todos os direitos que as mulheres têm na vida, o mais lindo e completo é o de ser mãe.
*****


Obras literárias: Filhos de Lilith - O Despertar / Limiar - Entre o Céu e o Inferno / Refugio / Abismo
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
A maternidade mudou tudo em minha vida: prioridades, planos, sonhos, gerenciamento do tempo, as atividades e programas escolhidos, tudo passou a girar em torno do bem-estar de minha filha.
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
Muitas pessoas acham e até defendem a ideia de que quando a mulher tem filhos, deve abandonar tudo e viver em função deles. Não concordo. Mãe feliz torna seu lar feliz, assim como uma mãe frustrada faz da vida dos filhos um inferno. É por isso que sempre separo um tempinho para estar com minha filha, levá-la para passear, acompanhar os estudos, mas sem jamais deixar de lado minha profissão que eu amo. Ela entende e me incentiva. Aprendeu a amar os livros desde bebê e hoje dividimos essa paixão. Nos finais de semana, facilmente nos encontrará em uma biblioteca ou livraria.
3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Além de mãe, fui educadora por dez anos e acredito demais na força do exemplo, acima de tudo. Creio que o mais difícil é conseguir transmitir aos filhos bons valores com ações e não apenas palavras.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Que ela seja forte, persistente e paciente e que nunca desista de seus sonhos.
5.     Para você, ser mãe é....
Um aprendizado contínuo. Há uma citação que diz: Quando nasce uma criança, também nasce uma mãe. E é nisso que acredito, que aprendemos a ser mãe, a cada dia, por vezes errando, por vezes acertando, mas nunca desistindo!
*****


Autora: FML PEPPER
Obras literárias: Não Pare! / Não Olhe! / Não Fuja!
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
Tudo!!!! Corro, corro, corro e a sensação é de que roubaram muitos minutos do meu dia porque, quando dou por mim... Capuff!!! O dia acabou! Mas o mais incrível de tudo é que não voltaria à minha vida de antes de maneira alguma! Amo o jeito louco que está! RS
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
Me desdobrando em mil mulheres. É uma tarefa árdua, mas igualmente prazerosa. A vida ganha um porquê.
3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Formar filhos com valores, condutas decentes e corações bondosos. Em um mundo onde os padrões de moralidade estão tão distorcidos, a base da família tornar-se fundamental e o papel da mãe se transformou em outro que não apenas de alguém que protege e enche de carinhos para aquele que dá força e exemplo.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Que eu o amo, o amei e o amarei. Hoje e sempre. Incondicionalmente.
5.     Para você, ser mãe é....
Ter de lidar com uma tarefa muito difícil, talvez a mais complexa na vida de uma mulher. Mas é a chance de se tornar uma pessoa melhor e vivenciar o amor na sua forma mais profunda, desapegada e autêntica. A possibilidade de experimentar, de uma forma muito particular, o milagre do amor de Deus dentro de nós mesmas.
*****



Autora: Gisele Souza Obras: Pecaminoso/ Deus do Rock/ Inspiração/ Impulso/ Momentos

1. O que mudou em sua vida após a maternidade?
R. Minha vida mudou completamente. Minha maneira de ver as coisas, prioridades, tempo... Tudo! Mas, na verdade, o que mais marca na vida da gente quando nos tornamos mãe é a forma como entendemos o amor. Apenas quando uma mulher se torna mãe, seja de sangue ou de coração, é que se entende o sentido de amar sem limites. Acho que dentre todas as mudanças que vivi essa foi a mais marcante. Não existe amor mais bonito. Minha vida não era completa antes do Edu chegar.
2. Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
R. É difícil, cansativo, mas extremamente satisfatório. Meu filho sabe com o que eu trabalho, faço questão de mostrar cada detalhe e evolução nos meus livros e ele adora. Então, quando preciso deixá-lo um pouco sozinho pra trabalhar, ele entende. Porque sabe o que estou fazendo. Eu parei de trabalhar fora quando ele nasceu, para criar ele à minha maneira. E não me arrependo. Aproveitei muito a primeira infância do Edu e acompanhar seu crescimento é maravilhoso.
3. Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
R. Acredito que soltar o filho no mundo está cada vez mais difícil. Morro de medo cada minuto que meu filho está longe. Você cuida e protege, acredito que quando chega a hora deles baterem as asinhas deve dar um medo sem tamanho. O que podemos fazer é dar muito amor, alertar sobre os perigos do mundo e orar sempre para que Deus olhe e guie nossas crianças.
4. Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?

Edu, mamãe sonhou com você cada minuto que estava na minha barriga. Espero que você tenha amado nosso tempo juntinhos, quando éramos só nós dois, assim como eu amei. Vivemos momentos tensos e complicados que a mamãe ficou com muito medo, mas graças a Deus deu tudo certo. E quando tive você em meus braços percebi que a parte que me faltava você completou. Não existe amor maior do que o que eu sinto por você! Eu espero que seu futuro seja lindo. Que você realize todos os seus sonhos e desejo estar presente em cada uma dessas realizações. Saiba, meu menino, que você é uma criança muito amada! Que papai do céu te proteja e ilumine, mamãe estará para sempre à sua espera.  


Obras literárias: Eu em Você / Pra ter Você / Por Você / e outros
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
A maternidade me trouxe amadurecimento, doçura e uma forma diferente de olhar para a vida.
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
Quando fui mãe abri mão da minha carreira profissional e me dediquei 100% ao papel de mãe. Acompanhei momentos no desenvolvimento dos meus filhos que nada nesse mundo poderia substituir.  Nunca me arrependi da escolha que fiz. Hoje ser mãe para mim é tranquilo eles já não precisam tanto da minha presença as vezes sou eu que preciso da presença deles.
3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Acho que o maior desafio nos dias de hoje é a violência a que nossos filhos estão expostos. Desde cedo já temos que mostrar as maldades do mundo e isso me entristece, pois criança deveria ter o direito de viver em seu mundo encantado.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Eu quero que eles sejam pessoas do bem e que sejam felizes com as escolhas que fizerem para as suas vidas.
5.     Para você, ser mãe é....
Conhecer a forma mais plena da palavra amor.
*****


Autora: SHIRLEI RAMOS
Obras literárias: A Missão de Anabel / Atração Explosiva / O Par Perfeito
1.   O que mudou em sua vida após a maternidade?
Mudou tudo. Eu era uma pessoa muito autocentrada e insegura. Depois que a Isabelle entrou na minha vida, eu sinto que fiquei mais forte e corajosa. Além disso, passei a pensar automaticamente primeiro nela. Aliás, preciso confessar que sou até meio neurótica de tanto que penso a todo momento no que a Isabelle precisa, como devo educá-la e como fazê-la crescer uma pessoa independente e feliz. 2.   Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
É BEM complicado, porque sou perfeccionista ao extremo. Então, quero ser uma ótima profissional e uma ótima mãe. Não raras vezes sou acometida por um estresse com vários sintomas físicos. Mas o que me dá um certo alívio é poder trabalhar em casa, perto da Isabelle, já que tanto a profissão de escritora quanto a de revisora de textos me permitem essa escolha. 3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Os desafios são vários. A geração da Isabelle é infinitamente diferente da minha. Eu me lembro de que na minha época se eu falasse um pouco mais alto com meus pais já era motivo para ser severamente reprimida. Hoje em dia as crianças nascem cheias de atitudes e precisamos de argumentos mais complexos para que elas nos obedeçam. Tem também a questão do avanço da tecnologia. Antes brincava-se mais. Não tínhamos smartphone, computador ou videogames de última geração. A criança atual, com raras exceções, não sabe mais brincar. O divertimento delas é quase sempre passivo, diante de uma tela de celular ou tevê. E os pais precisam se empenhar muito para introduzir brincadeiras criativas que as tire um pouco desse mundo tecnológico. 4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro?
Meu maior desejo para a Isabelle é que ela não perca sua essência em meio a tantos estímulos ruins que recebe diariamente, de todos os cantos. Que ela permaneça com o coração puro, esperançoso e bondoso. E que jamais se esqueça de que a força motriz deste mundo é o amor. 5.     Para você, ser mãe é....
É um desafio, um aprendizado constante e a certeza de que não existe amor maior do que o de uma mãe por um filho.
*****


Obras literárias: A Herdeira / As Faces da Luz / Desejo e Honra
1.     O que mudou em sua vida após a maternidade?
Tudo. Rs... Ser mãe muda toda nossa ideia de mundo. Antes pensávamos apenas em nós, hoje pensamos em nossos filhos em primeiro lugar, como por exemplo: o passeio que ele vai gostar, a comida que ele gosta... Pelo menos eu deixei um pouco minhas prioridades de lado para cuidar das dele.
2.     Ser mulher, mãe e profissional, como conciliar (ou como você concilia)?
Quando eu tive o meu filho, eu trabalhava no banco, logo após o nascimento dele, eu saí e fiquei dois anos em casa, cuidando dele. Hoje eu trabalho com meu pai, como assistente administrativo, também escrevo, sou blogueira e tenho um canal literário com um colega autor. Não é fácil, mas eu tenho muito ajuda por parte da minha mãe e do meu esposo.
3.     Quais os desafios de ser mãe nos tempos atuais?
Eu acho que é como sua pergunta anterior. Conciliar a profissão com o lar. Porque antigamente as mulheres eram criadas para casar, cuidar da casa, do marido e dos filhos. Hoje é diferente. Procuramos ter nossa independência financeira e isso faz com que fiquemos muito tempo fora de casa, trabalhando, e consequentemente menos tempo com nossos filhos e familiares. Dar uma boa educação, ensinar o certo e o errado para eles, se tornou um trabalho em conjunto com a escolha, com a creche e se isso não é bem feito, a culpa recai sobre nós. Eu, particularmente, dou graças a Deus por poder estar em casa com ele. Meu trabalho não exige que eu fique fora muito tempo e eu consigo estar com ele na maior parte do tempo.
4.     Qual a mensagem que você gostaria de deixar para seus filhos (seu filho) no futuro.
Respeito.  Respeite os outros para ser respeitado. Respeite a natureza para ter uma vida de qualidade. Respeite os animais, eles são criações de Deus assim como nós.
5.     Para você, ser mãe é....
Ter um pedaço de mim, com vontade própria, andando pela casa.
==========


SORTEIO

E aí, gostaram? É interessante ver o lado pessoal de alguém que você admira por seu trabalho. Então, por agora é só, fic... But, wait!!!
Gente... Quase esquecemos!! É hora de darmos o start ao super Sorteio!!




Como participar??  Deem uma lida AQUI. Acessem este formulário AQUI e o evento AQUI Sigam as regras!!
Os ganhadores serão conhecidos no dia 31/05, às 16hs!
Não esquecemos dos prêmios >> 3 Kits MÃE (1 livro + 5 marcadores) e 3 kits FILHOS (5 marcadores) Mimos extras serão sorteados ao longo do mês, em sorteios relâmpagos (divulgados e sorteados no mesmo dia).
Não percam!!
Acessem e se mantenham por dentro de tudo do mundo das páginas cheirosas dos nossos livros!
Já conhece os blogs participantes do Grupo ‘Blogueiras Unidas’? 



Beijos até a próxima... (Hoje ainda!!)

3 comentários:

  1. Aninha ficou mega lindo o post!! Eu fui uma burralda deveria ter te mandando todos html, mas enfim antes tarde do que nunca vou tentar mandar tudo agora.. affs não me mata! Te amo minha loirinha linda!! Mora já no meu <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amiga!!!
      Vc sempre me salva rs

      Amo vc ♥

      Excluir

  2. É tão bom poder ler sobre essas mulheres reais. E, é tão bom ver esse sentimentos que só as mulheres entendem, é encantador ver vocês Mamães quando falam de seus pequenos acidentes da natureza (filhos - rs). Parabéns as autoras pela mulheres, mães e profissionais que são e o nosso muito obrigada por terem participado desse Especial do Dia Das Mamães das Blogueiras unidas!

    Adorei! Ficou tudo muito lindo!

    Beijo em cada uma de vocês e que tenham tido um ótimo dia das Mamães!
    http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir